Buscar
  • Gisele Letieri

Dia 22 de Maio Dia da Biodversidade


DIA DA BIODVERSIDADE Um dia especial para refletirmos sobre os nossos atos e o que podemos fazer para preservar as espécies. A palavra biodiversidade deriva de diversidade biológica e consiste na variedade de formas de vida existentes no mundo. Esse conceito foi idealizado por Walter G. Rosen em 1985, enquanto planejava a realização de um fórum sobre diversidade biológica na cidade de Washington, Estados Unidos (FRANCO, 2013). Estima-se que exista no mundo cerda de 8,7 milhões de espécies de seres vivos, de acordo com um estudo publicado pela revista científica PLoS Biology. Destas, 1,2 milhão já foram formalmente descritas.

Infelizmente, toda essa biodiversidade está ameaçada. Segundo o WWF Brasil, especialistas calculam que entre 0,01 e 0,1% de todas as espécies existentes são extintas por ano. O crescimento populacional e o consumo contribuem para esse desastre, levando à destruição dos habitats e ao comércio da fauna silvestre, principais causas da queda da população das espécies. - As taxas de extinção estão crescendo a um fator de até mil vezes as taxas naturais. A cada hora, três espécies desaparecem. A cada dia, 150 espécies somem. A cada ano, entre 18 mil e 55 mil espécies extinguem-se. A causa: as atividades humanas.

Uma lista compilada pela União pela Conservação do Mundo, que agrupa 83 governos, além de cientistas e organizações ambientalistas, possui apenas 784 espécies extintas desde 1500 - dos dodós das ilhas Maurício ao sapo dourado da Costa Rica. os números, apesar de discrepantes, podem estar ambos corretos.

- Os números da ONU baseiam-se na perda de habitats, na estimativa de quantas espécies viviam lá e que portanto se perderam. A nossa é mais empírica. São espécies que sabíamos estar lá mas que não conseguimos mais encontrar.

0 visualização0 comentário